Páginas

28 de fev de 2012

novo piso professores

Então o novo piso nacional dos professores é de R$ 1.451 para trabalhar 40 horas semanais? É isso mesmo? Desculpem os que comemoram isso, mas eu acho esse valor ridículo, uma piada até. Puta que o pariu né! Educação é um dos pilares mais importantes aos quais uma sociedade deveria dar valor e investir e, dentro disso, os professores são peça chave... E em nosso país sério, um atendente do Outback ganha mais por mês do que um professor? Alguém, por favor, me dá um alucinógeno para eu pirar muito e entender uma coisa: Como assim tem gente que acha esse salário digno?!? Como assim??!!!

A pior parte é se deparar com matérias como essa, cujo texto foca no gasto público e nas dificuldades que os municípios enfrentarão para pagar essa fortuna para os professores. O interessante e, ao mesmo tempo, lamentável, é que em nenhum momento o texto comenta a importância desse novo piso para a educação brasileira. É lamentável ver a manipulação jornalistíca e o desdém com a inteligência do brasileiro (se bem que essa segunda parte, sobre a inteligência do brasileiro, me gera dúvidas... ô povinho conformista que não reclama de nada e aceita tudo esse nosso viu...).

O impacto desse novo piso salarial será de R$ 1,6 bilhão? Que fossem R$ 16 bilhões! E claro, que houvesse mais controle e fiscalização sobre a qualidade dos professores e escolas, que houvesse uma reciclagem dos professores, que houvesse uma preocupação maior com a qualidade da formação desses professores...

Vergonha é o impacto que salários de parlamentares – e demais regalias que recebem - geram nas contas públicas, isso sim.