Páginas

26 de abr de 2012

equal pay day

Deixo um vídeo da Sasha Grey, a atriz pornô, para a campanha pela equiparidade salarial entre os gêneros (quem não entende inglês, desculpe, mas não encontrei legendado e estou com imensa preguiça de traduzir o que ela diz). Resumindo: ela diz que escolheu abandonar os estudos para virar atriz pornô e que tem consciência de que este é o único posto em que uma mulher consegue ganhar mais do que os homens.



Bom, não precisamos ir longe e nem precisamos partir apenas para o mercado do sexo, pornografia, prostituição... As mulheres mais ricas do mundo são, em geral, modelos internacionais e atrizes de Hollywood. São as únicas profissões nas quais as mulheres ganham mais que os homens, mas nem todas têm o biotipo para serem modelos ou talento (e beleza) para serem atrizes. Qualquer uma pode, porém, entrar para o mercado do sexo.

Fato é que as mulheres ganham menos entre profissões e também dentro de uma mesma profissão. No Brasil, mesmo no mesmo cargo e com as mesmas qualificações, as mulheres ganham cerca de 30% menos que os homens, segundo estatísticas presentes no site do IBGE.